quarta-feira, janeiro 17, 2007

130

Por onde voará depois de amanhã? Onde estão os loucos, desprezadores do tempo e do espaço? Onde estão aqueles talentosos idiotas?
Para onde foram?
Sei que alguns homens decidiram cuidar da caverna à viajar ( viajar é preciso)....
Sei que algumas mulheres decidiram procriar zeladores de caverna à viajar (viajar é preciso)...
Que mal fizeram...realmente que 'mal' fizeram...
Hoje estamos gordos: ricos em carboidratos e truques...somos autocorruptos. Agora não correm mais homens/mulheres atrás de um monte de terra mais fértil...aproveitam sim, da terra pronta e dos alimentos podres do chão...
Não acreditam mais que podem alcançar o sol...pois já sabem o nome daquilo que brilha no céu...
Esses pobres já têm palavras demais para se esconderem.

A caverna é feita de palavras...

Um comentário:

Ana Clara Ferrari disse...

Olha, não gosto muito de deixar minhas colocações para outras "pessoas", mas não resisti em deixar este trecho do W.B. Primeiro, porque ele complementa teu post (e/ou vice-versa); segundo, porque ele também trata de assuntos que já conversamos e, de certa forma, ainda estão em voga; terceiro, porque mesmo se não coubesse no assunto do teu texto, não deixa ter uma pertinência em si mesmo; quarto, foi escolhido com carinho :); e, por último, fã é fã, neh?
Já, já eu o destruo.

"Em um amor a maioria procura eterno lar. Outros, muito poucos, porém, o eterno viajar. Estes últimos são melancólicos, que têm a temer o contato com a terra-mãe. Quem mantiver longe deles a melancolia do lar é quem eles procuram. A este mantêm fidelidade. Os livros medievais de complexões sabem da aspiração dessa espécie de homens por longas viagens"

Good trip

Beijos