domingo, fevereiro 04, 2007

136

os caminhos...as trilhas...e o preparo. Posso muito. Desejo muitas coisas...e nunca estive tão preparado para tantos solos diferentes. Faço minha própria trilha sem bússola e sem mapa. Há música para me acompanhar e alguns cadáveres falantes que respondem algumas dúvidas quanto o clima. Não exatamente, mas com alguma certeza de quem sente - e muito -, declaro desprezo as estorvos que vierem aparecer nessa jornada. Serão sumariamente rejeitados do meu cotidiano se ousarem atravancar ou dificultar meus dias e noites. Isso inclui meu passado!

Um comentário:

Luis Renato Rua disse...

obrigado pela visita caro capitão!

com relação à ausência de bússulas e mapas tome cuidado apenas para não se perder na densa floresta que abriga este capitalismo selavagem (e porque não tardio).eheheheh

abraços